Saltar os Menus

Notícias

31 de Outubro de 2019

Protocolo de mecenato para digitalizar “Arquivo da Inquisição”

A Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB) e Raphael Gamzou, Embaixador de Israel em Portugal, em representação de mecenas conhecedores da História dos judeus em Portugal, estabeleceu, dia 30 de Outubro, uma primeira base de cooperação para recuperar, digitalizar e disponibilizar uma parcela substancial do património arquivístico português referente ao tema do judaísmo, que se encontra à guarda do Arquivo Nacional da Torre do Tombo, designadamente no fundo documental do Tribunal do Santo Ofício, mais conhecido por “Arquivo da Inquisição”.
As duas entidades assinaram um protocolo que permitirá dar um impulso significativo ao tratamento de documentação relativa à Inquisição que é das mais procuradas por investigadores de nacionalidade portuguesa e estrangeira, maioritariamente provenientes das comunidades científicas israelitas, americanas, brasileiras, espanholas e holandesas.
À extraordinária riqueza informativa que tem dado origem a uma produção académica significativa, acresce a importância da preservação da memória de vivências individuais e colectivas com forte carga simbólica para Portugal e para o mundo.

 

Esta notícia foi publicada em 31 de Outubro de 2019 e foi arquivada em: Notícias.
DGLAB