Saltar os Menus

Notícias

13 de Outubro de 2015

Apocalipse de Lorvão incluído no Registo Memória do Mundo da UNESCO, 2015

2015 10 14 apocalipse

Apocalipse do Lorvão

Os Manuscritos do Comentário do Apocalipse (Beatus de Liébana) na Tradição Ibérica mereceram uma candidatura conjunta de Portugal e Espanha ao Programa Memória do Mundo, 2015, sendo agora anunciada a sua concretização.

O Arquivo Nacional da Torre do Tombo vê assim ser inscrito no Registo Memória do Mundo da UNESCO mais um documento à sua guarda, o Apocalipse de Lorvão, um livro datado do século XII.

O Programa Memória do Mundo foi criado em 1992 pela Unesco para sensibilizar o público sobre a necessidade de preservar e valorizar o património documental.

 

Saber mais…

Os manuscritos conhecidos como “Beatus” são uma série de códices e fragmentos que contêm a cópia do “Comentário ao Apocalipse” atribuída ao monge Beatus de Liébana, que viveu nas Astúrias na segunda metade do século VIII. Estes manuscritos são particularmente relevantes como expressão cultural e artística produzida na Península Ibérica e com grande disseminação no resto da Europa medieval.

São considerados únicos no seu gênero. Inspiraram algumas das mais famosas obras literárias e artísticas contemporâneas e constituem uma das provas materiais da transição do Mundo Antigo para os tempos medievais no campo da Arte, da Literatura e do Pensamento no Mundo Mediterrâneo e na Europa Ocidental.

O livro Apocalipse de Lorvão é assim designado pelo facto de ter provindo da biblioteca do Mosteiro de São Mamede do Lorvão, estando hoje à guarda da Torre do Tombo, para onde foi trazido por Alexandre Herculano em meados do séc. XIX. Poderá ver aqui todo o códice, Portugal, Torre do Tombo, Ordem de Cister, Mosteiro de Lorvão, códice 44.

Consulte aqui o Registo na UNESCO

Para consultar outros documentos do Arquivo Nacional da Torre do Tombo com registo “Memória do Mundo” clique aqui

Para consultar outros documentos portugueses com registo “Memória do Mundo” clique aqui

Esta notícia foi publicada em 13 de Outubro de 2015 e foi arquivada em: Notícias.

Comente esta notícia

Tem de iniciar sessão para poder comentar.